Quando os trabalhos crescem e dão frutos

>>Quando os trabalhos crescem e dão frutos

Quando os trabalhos crescem e dão frutos

2018-10-26T14:03:51+00:00 26 de outubro de 2018|

Tudo flui, sempre. Assim é na vida, assim não poderia deixar de ser dentro do movimento espírita. Há 8 anos, a mudança para novas instalações efetuada pelo mais antigo centro em atividade no país, deu origem ao nascimento de mais uma casa: o Centre d´Informations Spirite et Coordinations des Oeuvres (CISCO).

Segundo a atual presidente do CISCO, Martina Machado, até o fim de 2009, o espaço que ocupam hoje, na Rue du Prieuré, em Genebra, vinha sendo utilizado já há alguns anos pelo Centre d´Etude Spirites de Genève (CESG), grupo pioneiro em terras helvéticas, que, naquele momento, sentiu necessidade de partir para novas instalações. “Para que o antigo espaço não ficasse ocioso, algumas pessoas seguiram realizando reuniões regulares no mesmo local e daí nasceu esse novo agrupamento”, relata.

A data oficial de abertura do CISCO é 01 de janeiro de 2010. Portanto, o próximo ano será de contagem regressiva para as comemorações dos 10 anos dessa casa nascida da evolução de um agrupamento anterior, cujo trabalho se expandiu e frutificou.

Na visão da dirigente, o cenário ideal hoje em uma cidade como Genebra seria que histórias como a do CISCO se repetissem cada vez mais, ao ponto de cada bairro poder contar com uma casa espírita. Dessa forma, o movimento cresce, ganha capilaridade, a mensagem se dissemina com mais força e, sobretudo, a vivência da doutrina torna-se realidade para mais pessoas.

Com cerca de 25 membros ativos no momento, o CISCO mantém uma programação fixa que conta com atividades todas as segundas, terças, quintas e sextas. Na primeira segunda-feira de cada mês, acontece sempre o atendimento fraterno, que é aberto ao público. Nessas ocasiões são recepcionadas pessoas em busca de orientações e informações, bem como aos que desejam passar a frequentar reuniões e estudos.

Nas outras segundas, ocorrem as reuniões mediúnicas, restritas aos integrantes desse grupo de trabalho. A casa também mantém grupos de estudos regulares do “Evangelho Segundo o Espiritismo” e do “Livro dos Espíritos”.

As reuniões de estudos são em português. Mas, conforme explica Martina, havendo a presença de pessoas que dominem o francês, elas também podem ocorrer paralelamente nesse idioma. “Nesse caso, a gente forma dois grupos simultâneos, um estudando e debatendo em português e, o outro, em francês”, explica.

Além disso, o CISCO reserva sempre uma quinta-feira de cada mês para o estudo e a reflexão de temas livres exclusivamente em francês. Essa é uma forma de manter uma agenda especialmente voltada ao público francófono, que tenha interesse pela doutrina espírita.

As crianças também são assistidas na programação regular da casa. A cada 15 dias, nas terças-feiras, há o chamado “Cantinho do Afeto”, no qual, prioritariamente, são estimuladas reflexões acerca de temas morais com os pequenos. De forma lúdica, são trabalhadas questões acerca dos valores cristãos, como a caridade, a solidariedade, o respeito e o amor ao próximo.

CISCO – MESA DIRETORA

Presidência: Martina Vaz Machado
Vice-presidência: Cleo Vieira
Secretaria: Carol Vieira e Francinete Briachetti
Tesouraria: Simone Martins Rocha
Biblioteca: Urânia Hollmuller